Copa do Mundo 2022: 5 livros sobre futebol para entrar no clima da torcida!

Copa do Mundo 2022: 5 livros sobre futebol para entrar no clima da torcida!
Confira livros sobre futebol para entrar no clima da Copa do Mundo! (Photo by Fauzan Saari / Unsplash)

A Copa do Mundo de 2022 já está chegando e, pela primeira vez, o evento acontecerá no Catar! A abertura do evento acontecerá no estádio Al Bayt no dia 20 de novembro e será transmitida às 12h, horário de Brasília. A primeira partida será entre Catar, o país-sede, e Equador.

A estreia de campo da seleção brasileira acontecerá no dia 24 de novembro, às 16h, em uma disputa contra a Sérvia. Para entrar no clima, o Skeelo preparou uma coleção incrível de livros com preços imperdíveis. Basta clicar aqui para conferir.

Fechado por motivos de futebol, de Eduardo Galeano

Sinopse: O futebol sempre fascinou Eduardo Galeano que, ao longo da vida, escreveu e viveu a paixão pelo esporte. "Fechado por motivo de futebol" propõe um itinerário pela história deste esporte. Com suas crônicas que mais parecem poesia, o autor nos dá o melhor de suas grandes paixões: o futebol, a literatura e a história.

A história do futebol para quem tem pressa, de Márcio Trevisan

Sinopse: Do apito inicial ao grito de campeão em 200 páginas! Uma das mais conhecidas frases do mundo da bola diz que, no futebol, a velocidade é essencial, mas a pressa... totalmente dispensável. De fato: para que o jogo flua a contento de quem o pratica e, principalmente, de quem o assiste, é fundamental que a bola role, que seja plena a dinâmica, mas importantíssimo que ela não se confunda com afobação – se isso se der, a jogada não deu. Mas como contar de forma resumida uma história cujos primeiros registros datam de cerca de 2.500 anos atrás? Como contextualizar cada fato importante ligado ao surgimento, ao desenvolvimento, enfim, à consolidação do futebol como o esporte mais popular do planeta – com ênfase no futebol nacional –, a importância de cada craque, seja dos campos ou dos bancos, a transformação de um simples jogo na maior paixão não só dos brasileiros, mas de bilhões de torcedores espalhados pelo mundo? Esse foi o maior desafio, e a única forma de superá-lo seria usar o poder de síntese sem menosprezar detalhes, utilizar uma linguagem direta sem comprometer a compreensão, explicar a presença daquele atleta ou treinador em detrimento da ausência daquele outro jogador ou técnico sem esquecer que a preferência por este ou aquele, seja ele qual for, é uma questão subjetiva, muitas vezes de pura paixão clubista. Apesar do título, este livro deve ser lido sem pressa. É que somente dessa forma se conhecerão exatamente o poder e o significado de um grito de GOOOOOL!!!

As mulheres no universo do futebol brasileiro, de Cláudia Samuel Kessler, Leda Maria Costa e Mariane da Silva Pisani

Sinopse: Composto por 18 capítulos, o livro As mulheres no universo do futebol brasileiro é um presente a todos/as os/as entusiastas do futebol feminino no Brasil, bem como é um convite de leitura aos curiosos em conhecer um pouco mais sobre essa modalidade tão controversa e fascinante. Os textos aqui compilados foram escritos – em sua grande maioria – por mulheres que possuem longa trajetória acadêmica nos estudos sobre práticas esportivas. A área de atuação dos/as autores/as aqui presentes é bastante variada: Antropologia, Comunicação Social, Educação, Educação Física, História e Psicologia. Essa multiplicidade fornece vieses diferentes sobre os diferentes futebóis praticados por mulheres, dentro e fora dos gramados. Cláudia, Leda e Mariane são três mulheres super entusiastas do futebol! Daquelas que têm a escalação do time na ponta da língua, daquelas que não perdem um jogo sequer. Gremista, vascaína e corintiana, respectivamente, conheceram-se há alguns anos em um congresso internacional de Antropologia, num grupo de trabalho sobre práticas esportivas e de lazer. Felizmente, esses encontros antropológicos ultrapassaram o espaço acadêmico e ganharam novas formas, solidificando-se em amizade e companheirismo dentro ou fora da Universidade (e dos gramados também!). Essa parceria resultou, em 2016, no livro organizado e publicado por Cláudia (Mulheres na área: gênero, diversidade e inserções no futebol, pela Editora da UFRGS). O material contou com a participação de 16 autores e autoras que pensaram, escreveram e publicaram aquele que pode ser considerado o primeiro livro brasileiro sobre futebol de mulheres. Quatro anos depois, agora em 2020, o livro As mulheres no universo do futebol brasileiro surge trazendo seis "antigos/as" colaboradores/as do livro publicado em 2016 e mais 18 novos/as autores/as dispostos/as a falar, pensar, viver e respirar o futebol de mulheres. Esta obra consolida, de vez, o trabalho e a pesquisa sobre o Futebol Feminino/de Mulheres, bem como nos mostra que ainda existe um longo caminho que precisa ser percorrido para que essa modalidade esportiva receba o respeito e a visibilidade que merece. Fica aqui, então, o nosso convite para leitura. Vamos lá?!

México 70: a mais bela Copa do Mundo contada por seus protagonistas, de Andrew Downie

Sinopse: No dia 21 de junho de 1970, a Taça Jules Rimet disse adeus às Copas do Mundo, assim como deram adeus os mexicanos e outros apaixonados por futebol ao mais belo Mundial da história. Um torneio de despedidas, e que desde o instante de seu apito final abraçou a eternidade. Hoje, passados mais de cinquenta anos, seguem guardados na memória os lances que deram cor e movimento ao maior espetáculo que o futebol já concebeu. Como o gol que Pelé tentou do meio de campo ou seu drible de corpo em Mazurkiewicz, inimitável prenúncio de outro inesquecível quase gol do Rei; a defesa mais bonita de todos os tempos; o jogo do século, entre Alemanha x Itália; a goleada da seleção brasileira sobre os italianos na final, coroada com o gol de Carlos Alberto, feliz encontro entre o futebol e a arte. Em "México 70", Andrew Downie faz mais do que apenas relatar esses episódios já tantas vezes ecoados. Com entrevistas inéditas e uma vasta pesquisa em arquivos e biografias, o autor dá voz aos verdadeiros protagonistas. São eles, os jogadores, que compartilham o que viveram nas concentrações e nos campos do México durante o Mundial. Uma história oral narrada através dos depoimentos de participantes das dezesseis seleções, incluindo, é claro, os brasileiros tricampeões do mundo, responsáveis por estabelecer no Estádio Azteca, naquele 21 de junho de 1970, os limites do inalcançável em termos de beleza no futebol.

Como o futebol explica o mundo: um olhar inesperado sobre a globalização, de Franklin Foer

Sinopse: O futebol é mais do que um esporte, ou mesmo um modo de vida; abrange questões complexas que ultrapassam a arte do jogo. Envolve interesses reais - capazes de arruinar regimes políticos e deflagrar movimentos de libertação. Os clubes de futebol espelham classes sociais e ideologias políticas, e frequentemente inspiram uma devoção mais intensa que as religiões. Para realizar esse amplo e perspicaz trabalho de reportagem, Franklin Foer viajou o mundo - da Itália ao Irã, do Brasil à Bósnia, analisando o intercâmbio entre o futebol e a nova economia global. E acabou por derrubar mitos, ao verificar que em vez de destruir as culturas locais, como preconizava a esquerda, a globalização deu nova vida ao tribalismo, e que, longe de promover o triunfo do capitalismo apregoado pela direita, fortaleceu a corrupção. Investigando os bastidores desse esporte, Foer apresenta uma vasta e por vezes quase inverossímil galeria de personagens: um hooligan inglês, filho de uma judia com um nazista, que devotou a vida à violência; mulheres que freqüentam os estádios iranianos; os cartolas do futebol brasileiro; uma torcida organizada sérvia que se transformou em brutal unidade paramilitar. As histórias colecionadas - extravagantes, violentas, engraçadas, trágicas - ilustram desde o choque de civilizações à economia internacional e revelam como o futebol e seus fiéis seguidores podem expor as mazelas de uma sociedade, sejam elas a pobreza, o anti-semitismo ou o fanatismo religioso. Original, inteligente, escrito com paixão e humor, o livro nos ajuda a compreender nossa turbulenta época.